Folhas que outrora nos traziam brilho, cor, luz e recordação qual pessoas secas, folhas secas tudo seco em meu coração… outono chegou mil folhas levou…

 

Você só fala e fala na oração? Saiba como escutar Deus!

Há pessoas que, ao orar, fazem o sinal da cruz como se estivessem digitando o número telefônico do céu; depois, começam a pedir tudo aquilo de que precisam, ou a ler metodicamente orações impressas em santinhos, cadernos, folhetos; e quando terminam, fazem o sinal da cruz novamente como se estivessem guardando o fone de ouvido e vão embora, satisfeitas porque já “cumpriram” sua oração. Mas não vão deixar Deus dizer nada?

Estamos muito acostumados a falar, falar e falar na oração.

É preciso equilibrar a balança. Não só falar, mas também escutar; não só pedir, mas também agradecer, louvar, adorar. E sobretudo deixar Deus falar.

Alguém poderia dizer: “Mas Deus não fala! Nunca me disse nada!”. E a isso podemos responder: sim, Ele fala, mas você não ouviu porque estava ocupado demais falando de você mesmo.

Deus fala, em primeiro lugar, por meio da sua Palavra. Mas não somente. Fala também através de outros meios, alguns tão evidentes como as palavras do Papa Francisco, sempre certeiras, que nos comovem e fazem refletir. E pode falar através do comentário de uma pessoa, de algo que vivenciamos, ouvimos ou lemos aparentemente “por acaso”.

Seria fantástico se dedicássemos alguns momentos para fazer um breve “retiro” no qual nos dediquemos sem pressa a abrir-nos ao que Deus possa querer nos dizer.

Podemos começá-lo ou terminá-lo indo à missa; passar também um tempo em adoração diante do Santíssimo; caminhar ou sentar-nos em meio a uma bela paisagem, talvez no jardim de algum convento ou parque.

E, para orar, selecionar alguma passagem bíblica, talvez um dos textos da liturgia do dia, por exemplo, ou seu trecho favorito.

Também é possível aproveitar alguma mensagem do Papa; participar de algum retiro na paróquia ou comunidade religiosa; ou inclusive fazê-lo pela internet (existem retiros gratuitos que oferecem pregações em vídeo e também material escrito para que a pessoa imprima, com reflexões e perguntas).

Enfim, as possibilidades são infinitas.

O importante é acostumar-nos a silenciar nossa própria voz para poder captar a de Deus.

Abrir o ouvido e o coração, e preparar-nos para acolher o que o Senhor quiser nos comunicar. Calar-nos um pouquinho, aprender a ouvir a voz de Deus.

fonte: Desde la fe

http://misericordia.org.br

FRUTO DAS ORAÇÕES

Há grande diferença entre a sabedoria do homem iluminado e devoto e a ciência de um literato e estudioso. Muito mais nobre é a doutrina que vem do alto, por influencia divina que a que se adquire com o humano esforço. Há muitos que desejam a contemplação, mas não cuidam de praticar o que ela exige.  O grande obstáculo é parar nos sinais e coisas sensíveis e tratar pouco da perfeita mortificação. Não sei o que é, nem que espírito nos move, nem o que pretendemos nós, que parecemos homens interiores, quando empregamos tanto esforço e tão grande cuidado em coisas via e transitória, ao passo que apenas raramente, nos ocupamos em pleno recolhimento de espírito, das coisas que dizem respeito ao nosso interior.

(imitação de Cristo capitulo XXXI)

O devotíssimo servo de Cristo Crucificado, o bem aventurado Francisco, por causa do rigor da penitencia e do continuo pranto, ficava quase cego, de modo que pouco enxergava.

(Fontes Franciscanas )

Quando quiseres oferecer qualquer coisa a Deus, tende o cuidado de oferece-lo pelas mãos agradáveis e digníssimas de Maria, a menos que queiras ser rejeitados.

(Tratado da verdadeira devoção a santíssima Virgem.)

A sede de Jesus na cruz, é nossa sede, a sede da igreja, a sede de amor da humanidade, é a sede de Deus que se encontra com a sede do homem, o abandono de Deus que se encontra com o abandono do homem, o cume de Amor, o mistério da salvação.

(No Oceano da misericordia Infinita)

Minha filha, faço substituir-me por teu diretor, ele se ocupa de ti segundo a minha vontade. Respeita cada palavra dele como se fosse a minha própria. Ele é o véu sob o qual estou escondido. O teu diretor e Eu somos um, e as palavras dele são Minhas.

(Diário de santa Faustina – 1308)

É pela perseguição e o sofrimento, muito mais que por brilhantes pregações que Ele quer firmar seu reino nas almas. 

(Santa Teresinha escreve aos sacerdotes e seminaristas)

Maria guia cada um de nós no caminho profundo de descida e peneira-nos para o carisma.

(Diário de Maria Paola do Cordeiro Imolado)

Persuade-te que nem seu pai, nem sua mãe, nem homem algum te dedica maior amor que Deus, teu Senhor. Consequentemente não deves amar a ninguém mais do que Deus, teu Senhor. Deves dizer-lhe:

Meu Deus se deu inteiramente a mim, também eu me entrego a ele sem restrição. Ele escolheu minha alma para sua amiga, eu o escolho dentre todos para meu amigo. Ó meu Deus, por que me amais tanto? Que bem vedes em mim? Já vos esquecestes das ofensas que voz fiz? Visto que me tratardes tão amorosamente, em vez de me condenardes ao inferno, e me concedestes tantas graças, como poderei amar, no futuro, outra coisa fora de vós, meu Deus e meu tudo?

(Escola da perfeição Cristã)

 

VÍDEO DE FORMAÇÃO –

 

 

Confiando em tuas promessas, quero cantar!

 

Suas formas são loucas,
mas que eu quero ir.
Suas formas são loucas,
quebram a minha humanidade,
mas que eu quero ir.

 

Amanheça sempre com Jesus!

Ele te leva a dançar sobre os espinhos,

e fazer da dor, canção de louvor!

(Sol)

 

 

cada passo que eu dou
vejo ao meu redor
folhas que vão ao chão
folhas verdes, folhas secas
folhas vivas mortas,
mortas vivas não
roubadas pelo vento
provadas pelo tempo
arrancadas nesta estação

folhas que outrora nos traziam brilho,
cor, luz e recordação
qual pessoas secas, folhas secas
tudo seco em meu coração
outono chegou
mil folhas levou
mas a esperança restou

esperança sempre viva
vida sempre nova
a nos fazer crescer
surgem novos galhos velhos
galhos caem,
nova chance de viver
cair, levantar
perder, recomeçar

mas se tua mão me segurar
eu correrei até voar
subirei apoiado em ti

este vento sopra sempre
cada vez mais forte
nos faz expandir
novos horizontes nascem
leste oeste norte e sul
e o que há de vir
roubou-nos o vento,
provou-nos o tempo
fincada no chão
permanece a raiz

a árvore cresce
e nunca perece
e já se prepara
para a nova estação